sábado, 14 de janeiro de 2012

Chamados de Deus


"A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim." (Is 6:8)

Deus não dirigiu o chamado a Isaías; o profeta ouviu Deus dizendo: "Quem há de ir por nós?" O chamado de Deus não é para uns poucos escolhidos, é para todos. Ouvir ou não o chamado de Deus depende do estado em que se acham meus ouvidos; e o que ouço depende da minha disposição. 
"Muitos são chamados mas poucos escolhidos", ou seja, poucos se revelam como os escolhidos. Os escolhidos são os que passaram a ter um relacionamento com Deus através de Jesus Cristo, pelo qual sua disposição foi modificada e seus ouvidos foram abertos, e ouviram a voz tranquila e suave a indagar o tempo todo: "Quem há de ir por nós?"
Não é uma questão de Deus separar um homem e lhe dizer: "Olhe, você vai!" Deus não exerceu sobre Isaías nenhuma coação; ele estava na presença de Deus e ouviu-lhe o chamado, e percebeu que não lhe restava outra alternativa senão dizer, com uma liberdade consciente: "Eis-me aqui, envia-me a mim."
Tire da cabeça a ideia de esperar que Deus lhe venha com coações e apelos. Quando o Senhor chamou seus discípulos, não ouve nenhuma coação externa irresistível. A serena e terna insistência do seu "Segue-me" foi dirigida a homens que estavam com todas as suas faculdades bem alerta.
Se permitirmos que o Espírito nos coloque face a face com Deus, também nós ouviremos algo semelhante ao que Isaías ouviu, a voz tranquila e suave de Deus; e em perfeita liberdade diremos: "Eis-me aqui, envia-me a mim."

(Trecho do livro: Tudo para Ele de Oswald Chambers)

Se você é um escolhido por Deus, você enfrentará perseguição... as coisas pra você não serão tão fáceis. Mas isso não quer dizer que você não terá vitórias, pelo contrário... não existirá derrota pra você! Haverão, sim, provações... para te capacitar. E isso tudo para que, aqueles que não creem, vejam que mesmo em meio a dificuldades, você louva ao Senhor com alegria.
Tudo que passamos em nossa vida, é para que o mundo veja que o nosso emprego, alimento, amigos, família, casa, carro, diploma, status, etc.... NÃO SÃO O NOSSO SENHOR! Tudo isso é para que façamos a DIFERENÇA.... é para que fique bem claro que a nossa vida pertence a Cristo, que tudo que importa é louvá-lo e adorá-lo, independente de nossa situação.
Que a cada dia, queiramos mais e mais, ser um escolhido do Senhor... Esteja atento ao chamado de Deus!


4 comentários:

  1. Irmã vim fazer uma visita ao seu blog, li algumas coisas, e dou graças a Deus pelo seu empenho em proclamar a bendita Palavra. Quero porém deixar algo mais do que um simples comentário. Quero deixar estas palavras: Que escreva sempre com humildade, de todo o coração, e com muito amor, escreva principalmente as verdades vividas na sua vida, porque eu creio que o seu alvo e o meu é sermos úteis, e atingirmos o coração dos que lêem. Aproveito para fazer um convite. gostaria de te-la como minha amiga virtual na Verdade que Liberta. As minhas saudações em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmão Antonio, obrigada pela mensagem e incentivo! Que Deus o abençoe grandemente!

      Excluir
  2. Estou participando da Campanha Siga e Seja Seguido da UBE blogs! Estou seguindo seu blog, siga o meu:

    materiasdeteologia.blogspot.com

    ResponderExcluir